sexta-feira, 30 de abril de 2010

"(...)e vou dizendo lento, como quem tem medo de quebrar a rija perfeição das coisas, e vou dizendo leve, então, no teu ouvido duro, na tua alma fria, e vou dizendo louco, e vou dizendo longo sem pausa — gosto muito de você gosto muito de você gosto muito de você."

2 comentários:

Amanda disse...

Ahhh, que lindo *-*
Simples, direto e fofo.
Amei <3

Ahh...Line. disse...

Caio, inconfundível...